MeuDeviceMeuDevice

Apple Watch pode diagnosticar Parkinson até 7 anos antes dos primeiros sintomas aparecerem

O Apple Watch tem se mostrado um ótimo aliado para a saúde, e com o avanço da tecnologia, podemos esperar mais novidades no futuro. É importante destacar que identificar certas doenças antes mesmo dos primeiros sintomas aparecerem é de grande importância. Isso nos permite nos preparar mental e fisicamente com antecedência.

De acordo com uma reportagem da BBC, uma equipe do UK Dementia Research Institute da Cardiff University descobriu que o Apple Watch, assim como alguns outros smartwatches, pode ajudar a diagnosticar a doença de Parkinson até 7 anos antes dos primeiros sintomas surgirem.

Apple Watch x Parkinson

Utilizando inteligência artificial, a equipe do UK Dementia Research Institute da Cardiff University analisou dados de 103.712 usuários de smartwatches. Ao rastrear a velocidade com que cada indivíduo se movimentava ao longo de uma semana entre 2013 e 2016, a equipe conseguiu determinar quem tinha maior probabilidade de desenvolver a doença de Parkinson.

A Dra. Cynthia Sandor, líder do estudo, afirmou que, com 30% da população do Reino Unido utilizando um smartwatch, o dispositivo poderia ajudar a desenvolver uma maneira mais acessível e precisa de detectar o Parkinson em estágios iniciais. Segundo a Dra. Sandor:

Mostramos aqui que uma única semana de dados coletados pode prever eventos até sete anos no futuro. Com esses resultados, poderíamos desenvolver uma valiosa ferramenta de triagem para auxiliar na detecção precoce do Parkinson. Isso tem implicações tanto para a pesquisa, para melhorar o recrutamento em ensaios clínicos, quanto para a prática clínica, ao permitir que os pacientes tenham acesso a tratamentos em um estágio anterior, no futuro, quando tais tratamentos estiverem disponíveis

De acordo com a Dra. Kathryn Peall, também participante do estudo:

Comparamos nosso modelo em vários distúrbios diferentes, incluindo outros tipos de distúrbios neurodegenerativos, indivíduos com osteoartrite e outros distúrbios do movimento, entre outros, uma vantagem de poder trabalhar com um conjunto de dados como o Reino Unido Biobanco. O Biobank é um “banco de dados de saúde aprofundado” que abrange mais de 500.000 pessoas.

Apple Watch pode diagnosticar Parkinson até 7 anos antes dos primeiros sintomas aparecerem

Embora o estudo tenha concluído que o Apple Watch pode ajudar a identificar o Parkinson, serão necessários mais estudos para comparar essas descobertas com outros dados coletados ao redor do mundo.

Leia Também: Como saber quando o Apple Watch foi carregado pela última vez?
Leia Também: Recurso do Apple Watch ajuda a salvar vida de mulher após ruptura da aorta

Ao que tudo indica, os smartwatches com sensores de rastreamento serão realmente úteis na luta contra o Parkinson. É importante destacar que o Apple Watch já é conhecido por salvar a vida de usuários ao detectar ritmos cardíacos anormais, coágulos sanguíneos e até mesmo condições incomuns, como o Edema Pulmonar de Grande Altitude (EPGA).

Não esqueça de deixar seu comentário logo abaixo e participar do Sorteio do Mês! 🍎

Inscreva-se!
Avise-me quando
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Press ESC to close

0
Que tal deixar um comentário?x