MeuDeviceMeuDevice

Fracassos da Apple: conheça alguns produtos da empresa que não deram certo

Ao longo de sua história, a Apple também enfrentou fracassos que serviram de lições para a empresa. Afinal, nenhum negócio é linear, e os erros são comuns, sendo parte do processo para alcançar o sucesso no futuro. Sendo assim, neste post, vamos analisar algumas das empreitadas da Maçã que definitivamente não deram certo.

Começando a lista de fracassos da Apple, temos o Apple III (imagem de capa). Seu antecessor teve boas vendas, mas tornou-se ultrapassado, exigindo o desenvolvimento de um novo computador. Possivelmente, o fator que levou o Apple III ao fracasso foi a ausência de Steve Wozniak, cofundador da empresa, na equipe de construção. O dispositivo foi lançado com problemas de hardware, a especialidade de Steve.

Na época, Steve Jobs não havia ainda atingido a maturidade como empreendedor. O que isso tem a ver com o Apple III? Tudo, pois a equipe que substituiu Wozniak acabou cedendo aos caprichos de Jobs, o que pode ter contribuído para o insucesso do projeto. Um dos principais problemas de hardware do Apple III foi a falta de ventoinhas, resultando em superaquecimento. Além disso, o computador apresentava travamentos constantes e peças acabavam se soltando durante o uso. As vendas do dispositivo foram de apenas 75 mil unidades. 

E o que dizer do 20th Anniversary Macintosh? O computador, lançado em 1996, é outro fracasso da Apple, pois a ideia era comemorar os 20 anos de existência da empresa. Na época, Steve Jobs estava afastado da companhia, o que pode ter contribuído para o insucesso do projeto.

20th Anniversary Macintosh

Além de ser extremamente caro (como era de se esperar), o computador não agradava nem mesmo em termos de design. As vendas foram ainda menores do que as do Apple III, totalizando apenas 12 mil unidades, e pouco tempo depois a empresa retirou o produto de circulação.

Um dos fracassos da Apple foi uma TV

E se dissermos que um dos grandes fracassos da Apple foi uma televisão? Sim, isso mesmo o que você leu! O Macintosh TV tinha uma proposta até interessante: proporcionar às pessoas em um único produto a função de computador e televisão. 

Macintosh TV

Porém, o Macintosh TV saiu do mercado em menos de seis meses. Na verdade, o que o consumidor queria na época era a possibilidade de assistir aos programas em uma janela e utilizar o computador no restante da tela. O produto não entregava essa funcionalidade, sendo que a pessoa tinha que escolher entre usar a TV ou o PC. 

O Newton também não poderia ficar de fora da lista de fracassos da Apple! Embora seja considerado precursor dos tablets, o produto teve problemas como o reconhecimento de escrita, que não funcionava de forma eficiente.

Newton

Para completar, o dispositivo era pesado e grande, com baixa portabilidade, e sua bateria tinha pouca duração. Apesar das vendas muito abaixo do esperado, a experiência negativa com o Apple Newton ensinou valiosas lições à Maçã. Posteriormente, a gigante de Cupertino acertou a mão ao lançar o iPad e outros produtos de sucesso. 

Apple também teve um fracasso no setor de videogames

Além de não ter obtido sucesso na fabricação de produtos televisivos, a Apple também errou a mão no mercado de videogames. Para explicar isso, apresentamos o Pippin. Caso nunca tenha ouvido falar, este era um console de videogame cuja ideia era competir com as empresas do ramo que estavam em alta nos anos 90, como SEGA, Nintendo e Sony.

Como era um mercado que já movimentava muita grana, a Apple resolveu embarcar nele. O modelo de negócios predominante na época era o licenciamento de jogos, mas a maçã optou por licenciar a plataforma para terceiros. Com apenas 42 mil videogames vendidos em dois anos, o Pippin, lançado em 1995, foi um fiasco!

Pippin

O preço elevado foi um dos principais motivos que contribuíram para o baixo desempenho das vendas do Pippin. Na época, pouca gente queria tirar 600 dólares do bolso, pois a quantidade de jogos era baixa. A Bandai foi a empresa que firmou parceria com a Apple para desenvolver o Pippin, mas o contrato foi encerrado quando Steve Jobs retornou à empresa. Imagina se ele não tivesse voltado, talvez a lista de fracassos da Apple teria sido bem maior!

Pensou que a lista de fracassos da Apple havia acabado? Pois bem, mesmo não sendo difícil vender mouses, a Maçã conseguiu ir na contramão, produzindo o primeiro mouse USB, mas que não teve sucesso. Os usuários reclamavam da pouca ergonomia (que até lhe rendeu o apelido de “disco de hóquei no gelo”) e do fato de contar com apenas um botão, o que não favorecia a experiência de uso. 

Apple USB Mouse (Hockey Puck)

Finalizando a lista de fracassos da Apple, temos o Macintosh Portable. A ideia era fabricar e vender um notebook, algo que começou a se popularizar no fim dos anos 80, devido à necessidade das pessoas de terem um dispositivo portátil. No entanto, o usuário precisava ser muito forte na época, pois o “notebook” pesava mais de sete quilos, além de apresentar defeitos no hardware. 

Qual desses fracassos da Apple mais te impressionou? Deixe sua resposta nos comentários! 🍎

Inscreva-se!
Avise-me quando
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Press ESC to close

0
Que tal deixar um comentário?x