MeuDeviceMeuDevice

Futuros iPhones poderão ser mais resistentes a arranhões

Sempre estamos de olho nas notícias, rumores e vazamentos dos futuros iPhones, principalmente para sabermos quais serão as grandes novidades. A resistência a arranhões, por exemplo, é uma das preocupações enfrentadas pelos fabricantes de smartphones. Os materiais normalmente usados nesses dispositivos costumam ser propensos a arranhões, mas a Apple pode ter encontrado a solução.

Como projetar um chassi de iPhone tão atraente e macio ao toque quanto os atuais, mas mais resistente ao desgaste ao longo do tempo? Essa é a grande questão que a Apple está tentando responder em seus futuros iPhones. A empresa acaba de obter a patente de “space composites”, uma tecnologia de integração de metal ou cerâmica ao chassi de um smartphone, aumentando sua resistência a arranhões.

Imagem compartilhada por cperdue nos fóruns de discussão da Apple.

Inimigos dos smartphones

Não é de hoje que os arranhões são um dos grandes problemas dos smartphones, especialmente daqueles em que investimos mais para adquirir. Dispositivos móveis, como telefones, relógios e tablets, estão constantemente em contato com várias superfícies, o que pode causar arranhões ou abrasão na superfície do dispositivo. Portanto, a escolha dos materiais para esses dispositivos é crucial, cada um com suas vantagens e desvantagens.

As carcaças de metal são particularmente resistentes a amassados, arranhões ou quebras, mas podem interferir nos sinais de rádio que entram ou saem do dispositivo. As carcaças de cerâmica podem resistir a arranhões e ser transparentes aos sinais de rádio, mas podem ser frágeis. As carcaças de plástico, por outro lado, podem ser transparentes aos sinais de rádio e bastante duráveis, mas estão sujeitas a arranhões ou amassados.

Já deu para perceber que a solução para a Apple é utilizar diversos materiais para o chassi, não é mesmo? No entanto, a situação ainda está longe de ser tão simples. A patente concedida ao fabricante contempla a escolha dos materiais a serem misturados e a forma de fazê-lo. O chassi de um dispositivo eletrônico deve ter componentes resistentes à abrasão parcialmente integrados ao substrato do chassi e se estender além da superfície externa.

Esses componentes resistentes à abrasão podem ser feitos de metal ou cerâmica e incorporados em uma matriz maleável. Eles são mais duros do que os últimos, o que lhes permite proteger o dispositivo de maneira mais eficaz.

Os futuros iPhones podem ser mais resistentes a arranhões
Imagem: Reprodução / Patently Apple.

Além disso, a patente adquirida pela Apple inclui desenhos (imagem acima) que mostram diferentes formas desses componentes, cada um com diferentes benefícios, mas com o mesmo propósito geral. Também inclui um desenho mostrando esses componentes espalhados pela parte traseira de um iPhone. Embora esse seja um desenho ilustrativo simples, ele revela que o espaçamento entre esses componentes varia entre 10 e 100 mícrons.

Desde o iPhone 12, a Apple utiliza um processo chamado Ceramic Shield (desenvolvido pela Corning, as mesmas por trás do Gorilla Glass) que protege o vidro da frente e de trás dos smartphones. No entanto, esse processo visa melhorar a resistência a quedas, não tanto a resistência a arranhões.

As patentes depositadas pela Apple ou por qualquer outra empresa não significam necessariamente que um produto que explore a invenção será lançado. Muitas vezes, é uma questão de proteger uma ideia ou uma tecnologia para evitar que a concorrência a utilize.

Leia Também: Apple projeta o iPhone 15 Pro como o modelo mais vendido da nova geração
Leia Também: iPhone 15 Pro: Como será o novo smartphone da Apple?

Alguns observadores da indústria especulam que o “space composites” chega tarde demais para ser incorporado ao inevitável iPhone 15. Resta-nos esperar um pouco para ver o que os futuros iPhones nos reservam e se serão tão resistentes quanto precisamos que sejam.

Não esqueça de deixar seu comentário logo abaixo e participar do Sorteio do Mês! 🍎

Inscreva-se!
Avise-me quando
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Press ESC to close

0
Que tal deixar um comentário?x