MeuDeviceMeuDevice

iPhones serão produzidos em maior parte na Índia nos próximos 5 anos

A Apple tem transferido a produção de iPhones da China para a Índia para reduzir a sua dependência da China como única fonte de iPhones. A gigante da tecnologia agora tem planos de aumentar ainda mais a produção na Índia.

De acordo com relatórios do BQ Prime, um funcionário do governo não identificado revelou as intenções da Apple de expandir a produção na Índia em mais de cinco vezes, atingindo aproximadamente US$ 40 bilhões nos próximos quatro a cinco anos. No ano fiscal anterior, a Apple já havia ultrapassado a marca de produção de US$ 7 bilhões.

Produção de iPhones na Índia

O foco principal desta produção ampliada permanecerá nos iPhones. No entanto, há rumores sugerindo que a Apple pode estender sua produção para incluir AirPods na Índia. No momento, não há indícios de planos de fabricação de MacBooks e iPads no país.

De acordo com o funcionário: “ Eles não têm planos de participar do PLI de hardware de TI. Eles podem vir em um estágio posterior, mas a partir de agora seu foco é aumentar os níveis de produção existentes ”.

A contribuição da Índia de US$ 7 bilhões para a produção do iPhone no último ano fiscal, embora significativa, empalidece em comparação com o número de vendas globais do iPhone de US$ 191 bilhões no ano encerrado em setembro de 2022. A Apple emergiu agora como o maior exportador de telefones celulares da Índia.

De acordo com fontes da indústria, a série iPhone 15 registrou um notável crescimento de 100% nas vendas em comparação com o iPhone 14 no dia de seu lançamento. Além disso, a empresa disponibilizou iPhones “fabricados na Índia” no mesmo dia do seu lançamento global.

iPhones serão reduzidos na Índia nos próximos 5 anos

Prevê-se que, até 2025, as vendas globais do iPhone provenientes da Índia possam aumentar dos atuais 3,6% para mais de 5%, com um objetivo a longo prazo de atingir 25% da produção global no país.

Anteriormente, 98% dos iPhones eram fabricados na China, mas a Apple está agora a diversificar. Se os EUA imporem impostos de importação sobre dispositivos fabricados na China, como fizeram há alguns anos, ou se surgirem outras questões entre os EUA e a China, a Apple aparentemente quer estar preparada e garantir a segurança da sua cadeia de abastecimento.

Leia Também:
iPhone 15 Pro e o problema de superaquecimento
iPhone 16 Pro: Apple aumentará preço do aparelho?

Não deixe de acompanhar o MeuDevice, pois diariamente estamos trazendo as últimas atualizações sobre o universo da Maçã e você não pode ficar por fora de nada! Não esquece de compartilhar este post com seus amigos!

Não esqueça de deixar seu comentário logo abaixo e participar do Sorteio do Mês! 

Inscreva-se!
Avise-me quando
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Press ESC to close

0
Que tal deixar um comentário?x