MeuDeviceMeuDevice

A Apple vai comprar a ESPN? Analista dá detalhes sobre possível negociação!

Nos bastidores do mundo das finanças, começaram a surgir especulações sobre os planos estratégicos da Apple, sendo que um deles passou a atrair a atenção de analistas e interessados em tecnologia e esporte. Isso porque os rumores da vez sugerem uma suposta aquisição da ESPN pela Apple, o que culminaria em um investimento bilionário da gigante de Cupertino no mercado da transmissão de eventos esportivos.

No que se refere às informações dos bastidores, a “bola da vez” (eu precisava incluir este trocadilho) nesse cenário é Daniel Ives, um analista da Wall Street associado à empresa Wedbush. Durante uma entrevista à rede estadunidense CNBC, o analista disse a Apple pode estar realmente considerando a possibilidade de adquirir a rede esportiva ESPN. De fato, a questão em discussão nem seria tanto se isso acontecerá, mas quando o acordo será firmado oficialmente.

No entanto, é muito importante frisar que essas opiniões baseiam-se principalmente em especulações, uma vez que ainda não foram confirmadas por fontes oficiais. Ainda assim, embora as afirmações de Ives sejam interpretadas apenas como suposições, caso essa negociação realmente se concretize, isso poderia ter um impacto grande no mundo do entretenimento esportivo, reforçando o catálogo esportivo da Maçã e expandindo as ofertas do seu serviço de streaming, o famigerado Apple TV+.

Por que a Apple estaria interessada na ESPN?

Se analisarmos bem, é possível notar que esse movimento da Apple para investir mais no mercado de conteúdo esportivo faz bastante sentido, especialmente considerando acontecimentos recentes, como a chegada de Lionel Messi na liga de futebol americana, juntamente com o anúncio da inclusão de conteúdos exclusivos do jogador no Apple TV+. Para se ter uma ideia, essa combinação impulsionou significativamente o número de assinaturas do serviço de streaming da empresa.

Seguindo essa lógica, Ives defende que a Apple estaria inclinada a focar seus interesses nos ativos da ESPN, em vez de adotar uma aquisição abrangente da Disney. O analista sustenta que tal direcionamento se alinha com a estratégia corporativa da Apple, que prioriza apenas iniciativas estratégicas.

ESPN possui um vasto catálogo de eventos esportivos que poderia ser bem aproveitado pela Apple. (Imagem: Divulgação)

Vale ressaltar também que a crescente importância desses eventos no mundo do streaming reflete a mudança nos padrões de consumo, onde os espectadores buscam acesso conveniente e flexível a conteúdos esportivos ao vivo e sob demanda em um mesmo lugar. É por isso que outros serviços além dos domínios da Apple, como o Amazon Prime, tem investido tanto na produção de filmes e séries originais quanto na transmissão de campeonatos de futebol, como a Copa do Brasil.

E quanto aos valores envolvidos?

No aspecto financeiro, estimativa é que uma eventual compra da ESPN pela Apple poderia exigir um investimento superior a 50 bilhões de dólares. No entanto, esse gasto seria visto como um investimento valioso, pois fortaleceria a oferta de conteúdo do serviço de streaming da Apple.

Do ponto de vista estratégico, essa negociação permitiria à Apple adquirir direitos de transmissão de eventos esportivos de grande relevância, tanto profissionais quanto universitários, abrindo espaço para um aumento no apelo do Apple TV+. Vale mencionar que isso teria impacto direto até no mercado de streaming brasileiro, visto que o serviço Star+ agrega praticamente todas as competições da ESPN.

Leia Também: Apple será beneficiada com a ida de Messi para o Inter Miami; entenda

Ao fim de sua entrevista, Ives comentou que prevê que um anúncio oficial sobre essa suposta aquisição poderia acontecer dentro de um período de 6 a 9 meses. Sob essa perspectiva, a Apple poderia formalizar a incorporação da ESPN ainda este ano.

Contudo, é importante lembrar que, por enquanto, as afirmações de Ives devem ser interpretadas como meros rumores até que informações mais substanciais confirmem ou refutem essas especulações. Independentemente do desfecho, o fato é que acompanhar essa possível evolução e o impacto resultante no cenário do streaming é algo que certamente atrairá a atenção dos interessados em tecnologia e entretenimento digital, e acompanharemos todos os desdobramentos do assunto aqui no MeuDevice.

Como você imagina que a incorporação da ESPN pela Apple impactaria o serviço Apple TV+? Compartilhe o seu comentário com a gente! 🍎

Inscreva-se!
Avise-me quando
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Press ESC to close

0
Que tal deixar um comentário?x